Hora do nascimento Passo Fundo - RS

Chegada de Pedro Valentin

E com o nascer do sol do dia 21/09/2018 chegava Pedro Valentin...

Na plaquinha da porta dizia: "Douglas Filho não está mais sozinho, Pedro Valentin Chegou!"

E assim como um reencontro, Douglinhas estava lá aguardando por seu eterno companheiro, vestido de homenzinho e já amadurecido por sinal, tomando o posto de mano mais velho!

Papai Douglas emocionado e radiante com a chegada do seu segundo guri, gaúcho e gremista! (ano que vem mais um para montar à cavalo e segurar as rédias firme.)

Mamãe Raquele com um coraçãozinho batendo dentro dela e outro lá porta.... o qual segundo ela....

"....ele é o nó no meu cabelo.. costume dele desde que nasceu. Ele e o esmalte descascado na minha unha, as olheiras permanentes no meu rosto. Ele é o meu cabelo amarrado, o amarrotado na minha roupa. Ele é o valor do trabalho, a vontade de aprender, a minha força, a minha fraqueza, a minha riqueza. Ele é a ausência de sono diante de uma febre, uma dor de garganta Ele é o meu impulso, o meu reflexo, a minha velocidade. O cheirinho no meu travesseiro, o barulho, a metade, o azul, o Grêmio. Ele é o vazio triste no silêncio de dormir sozinha quando vai para o Rodeio com o papai, o meu sono leve durante a noite, o meu presente na madrugada quando vem se encostando em mim. Ele é o meu ouvido aguçado enquanto durmo. A minha pressa de levantar da cama, a minha espera de bom dia. Ele é o arrepio quando chora, a paz quando está nos meus braços, a emoção quando me olha. Ele é meu cuidado, a minha fé, o meu interesse pela vida, o meu respeito pelas pessoas, a minha vontade de encher a casa, o meu amor por Deus. É o meu ontem, o meu hoje, o meu amanhã. Ele é a vontade, a inspiração, a poesia. A lição, e o meu dever. Ele é a presença, a surpresa, a esperança. A minha dedicação. A minha oração. A minha gratidão. O meu amor mais puro e bonito. Por ele que vivo..... És minha vida!”
E a partir ontem, dia 21 de Setembro de 2018, tudo isso que escrevi para você Douglas, meu filho, se multiplica com a chegada do teu irmão Pedro Valentin... E nada mais será como antes porque será muito melhor!!!!! É por vocês que viverei e tentarei sempre ser a melhor mãe para meus dois Pintinhos. Obrigada meu bom Deus .... Nossa família está completa!"

E óbvio que a tia Ari chorou, fotografou, mas esse texto eu não poderia deixar de lado... uma das coisas mais lindas que já li de mãe para filho!

Estava lá com todo meu coração e desejo que sigam sendo essa família especial, querida e abençoada!

Com muito amor, tia Ari